Só quem atua diretamente no canteiro de obras sabe o tamanho do desafio que o planejamento da destinação de entulho representa para as empresas de construção civil.

Esse desafio está ligado, principalmente, ao alto volume de resíduos gerado em qualquer obra. Para se ter uma ideia, na cidade de São Paulo, cerca de 55% de todos os resíduos coletados são provenientes da construção civil. Além disso, diferentemente de outros resíduos classe II (como são classificados os resíduos não perigosos), a destinação de entulho não pode ser realizada em aterros sanitários convencionais.

Portanto, buscar soluções tanto para a destinação de entulho quanto para uma gestão de resíduos de qualidade é indispensável para que gestores possam garantir o bom andamento das obras e evitar problemas com a legislação ambiental.

Para saber quais são as melhores soluções para destinação de entulho, continue com a leitura!

Elaborar um plano de gerenciamento dos resíduos da construção civil

A elaboração de um plano de gerenciamento de resíduos é uma solução tão eficiente que pode ser considerada como um primeiro passo a ser dado em qualquer obra. Elaborá-lo requer a identificação das características do resíduo gerado, do volume, da escolha dos locais de destinação de entulho, etc.

Esse planejamento permite identificar oportunidades de redução do volume de resíduos e propor alternativas de organização desse material no canteiro de obras. Dessa forma, toda a dinâmica da obra é beneficiada, fazendo com que os funcionários organizem melhor suas tarefas diárias e, assim, se tornem mais produtivos.

Para facilitar o processo de elaboração desse plano de gerenciamento, vale a pena contar com a consultoria de empresas especializadas, como a Translix. Dessa forma, o gestor da obra ganha tempo e ainda conta com a ajuda de pessoas experientes e que entendem do assunto!

Realizar a segregação do entulho

Uma das características do entulho é a sua constituição diversa. Apesar de ser formado principalmente por resíduos inertes (como areia e cimento), pedaços de plástico, canos de PVC, vergalhões metálicos, isopor, entre outros, também podem ser encontrados em meio aos resíduos de construção civil.

A fim de garantir uma destinação de entulho ambientalmente adequada, é necessário fazer a segregação desse material. Nas obras de construção de novos edifícios, é possível organizar os funcionários para realizarem a segregação tão logo o resíduo seja gerado. Entretanto, em reformas e demolições, nem sempre é viável realizar essa triagem no canteiro de obras.

Para solucionar esse problema, uma alternativa é utilizar a Área de Transbordo e Triagem da Translix. Localizada em uma área de fácil acesso às principais vias de São Paulo, ela é utilizada pelos clientes da Translix que não dispõem de espaço para que a triagem e a segregação sejam realizadas no local de geração dos resíduos.

Reutilizar o entulho na obra

Outra solução para a destinação de entulho é buscar reduzir a quantidade de resíduo por meio do reaproveitamento desse material na própria obra. Para reutilizar o entulho, é necessário que antes ele passe por um processo de reciclagem.

Essa reciclagem consiste em triturá-lo, transformando-o em areia, pedra, pedrisco ou brita. O equipamento britador, que é utilizado para essa finalidade, pode ser alugado, comprado ou disponibilizado pela empresa responsável pela gestão de resíduos da obra.

A Translix, por exemplo, atua alocando o equipamento diretamente no canteiro de obras — o que agiliza o processo de reaproveitamento — ou triturando o entulho para reaproveitamento na obra em instalações próprias quando o canteiro não dispõe de espaço suficiente.

Considerar a destinação de entulho como agregado

Como falamos no começo deste texto, a gestão de entulho é um dos grandes desafios do setor civil, principalmente, em virtude do alto volume de resíduos que é gerado em uma obra. Logo, mesmo realizando uma boa gestão de resíduos e reaproveitando o entulho, comumente os canteiros de obras ainda precisam descartar uma boa quantidade de resíduo.

Uma boa alternativa para a destinação de entulho é, após segregado e limpo, encaminhar para ser utilizado como cobertura das camadas de lixo em aterros industriais.

Independentemente da destinação do entulho, o importante é certificar-se de que esse material está sendo transferido para instituições idôneas e que não acabará sendo depositado em lugares inadequados, causando inúmeros passivos ambientais.

Por isso, ao contratar uma empresa para realizar a gestão dos resíduos da construção civil, é preciso verificar se a documentação dela está em dia e se há autorização da prefeitura de São Paulo e da CETESB para a prestação desse tipo de serviço.

Para saber mais detalhes sobre o que é preciso considerar antes de contratar uma empresa de gestão de resíduos e destinação de entulho, confira também este outro artigo que mostra por que a Translix tem a melhor solução para o descarte de resíduos da construção civil. Boa leitura!

1
Olá!
Como posso ajudar?
Powered by